ATR

Confira o ATR de Outubro 2018.

Saiba Mais..

Açúcar

Saiba sobre a cotação semanal do Açúcar. Atualizado em 31/07/2018

Saiba Mais..

Etanol

Cotação semanal do Álcool Anidro Combustível e Hidratado. Atualizado em 27/07/2018.

Saiba Mais..

Preço de Liquidação das Diferenças sobe 77% no Nordeste

A Câmara de Comercialização de Energia Elétrica – CCEE informa que o Preço de Liquidação das Diferenças – PLD para o período entre 20 e 26 de fevereiro de 2016 subiu 77% no Nordeste, passando de R$ 137,81/MWh para R$ 243,41/MWh. Nos demais submercados, o preço permanece em R$ 30,25/MWh, valor mínimo estabelecido para 2016.
Em fevereiro, as afluências esperadas para o Sistema foram revistas de 91% para 89% da Média de Longo Termo – MLT e permanecem acima da média apenas no Sul (155% da MLT) beneficiadas pelo fenômeno El Niño. As ENAs projetadas para o Nordeste subiram de 82% para 88% e registraram quedas nas previsões para o Sudeste (87% para 85%) e Norte (85% para 73% da MLT).
A manutenção das altas afluências esperadas para as próximas semanas no Sul mantém o preço mínimo na região, além de Sudeste/Centro-Oeste e Norte. Os limites de recebimento de energia do Nordeste continuam sendo atingidos e, mesmo com as afluências na região próximas à média histórica, o preço deste submercado fica diferente aos demais. Os limites de intercâmbio entre Sudeste e Sul; Sudeste e Norte, por sua vez, não são atingidos em função das afluências otimistas previstas para fevereiro, equalizando os preços nesses submercados.
Os níveis dos reservatórios do SIN ficaram aproximadamente 1.700 MWmédios acima do esperado, elevação observada em todos os submercados, exceto no Norte (-630 MWmédios) em função do aumento do envio de energia para o Sudeste. Nas demais regiões, as elevações foram de 1.830 MWmédios no Sudeste e 520 MWmédios no Nordeste. No Sul não houve alterações.
A previsão de carga de energia do SIN foi elevada em 2.000 MWmédios para a quarta semana de fevereiro, em comparação ao previsto na semana anterior, influenciada principalmente pelo Sudeste (+1.200 MWmédios). A carga dos demais submercados também subiu nas projeções, sendo 200 MWmédios a mais no Sul e Norte, e 400 MWmédios no Nordeste.
O fator de ajuste do MRE esperado para fevereiro foi revisto de 87,7% para 89,7%, em função do aumento da geração hidráulica necessária para atender a elevação da carga, e os Encargos de Serviços do Sistema – ESS estimados em R$ 733 milhões, sendo R$ 621 milhões referentes à segurança energética.
A análise detalhada do comportamento do PLD pode ser encontrada no boletim InfoPLD, divulgado semanalmente no site da CCEE.


Fonte: CCEE

Parcerias

Pernambuco Equipamentos de Proteção Individual Ltda