ATR

Confira o ATR de Abril 2018.

Saiba Mais..

Açúcar

Saiba sobre a cotação semanal do Açúcar. Atualizado em 31/07/2018

Saiba Mais..

Etanol

Cotação semanal do Álcool Anidro Combustível e Hidratado. Atualizado em 27/07/2018.

Saiba Mais..

COPERSUCAR PUBLICA RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE


A Copersucar, maior comercializadora global de açúcar e etanol do mundo, divulgou nesta quinta-feira (16) seu Relatório de Sustentabilidade 2016-2018. Esta é a quinta edição e traz os avanços da gestão do último biênio e os resultados alcançados.

O relatório aborda o período em que a Copersucar avançou em sua estratégia de internacionalização, crescimento e ganhos estruturais e elegeu as prioridades estratégicas até 2021, que passaram a se concentrar em três principais alavancas de resultado, com diretrizes voltadas para o fortalecimento da presença nos principais mercados de açúcar no mundo, a consolidação da oferta e a ampliação dos ganhos estruturais nos negócios relacionados ao etanol e o aumento da capacidade, utilização e otimização dos ativos logísticos.

"Além de registrar os avanços da gestão no último biênio e os resultados alcançados, esse relatório também reforça o desempenho da Copersucar como protagonista da sustentabilidade, premissa para a perenidade do negócio e fator de geração de valor para toda a sociedade, hoje e no futuro", afirma Luis Roberto Pogetti, presidente do Conselho de Administração.

"A Copersucar S.A. tem clareza de seu propósito, com solidez nos negócios e visão estratégica. A formação de um time de profissionais capacitados e desafiadores, focados no alcance dos objetivos estratégicos, foi fundamental para nosso crescimento no biênio e continuará a ser um aspecto estratégico", diz Paulo Roberto de Souza, presidente Executivo.

USINAS LISTADAS PRATICAMENTE DOBRAM ESTOQUE DE ETANOL NO 1º TRI DA SAFRA 2018/19

Usinas brasileiras com ações listadas em bolsa fecharam o primeiro trimestre da safra 2018/19 com estoque de etanol quase duas vezes maior na comparação anual, dada a estratégia de carregar o produto para comercialização futura, enquanto as reservas de açúcar também cresceram sensivelmente em razão de exportações enfraquecidas pelo país.

Dados compilados pela Reuters mostram que Biosev, São Martinho e Raízen Energia, joint venture entre Cosan e Shell, detinham em 30 de junho 1,33 bilhão de litros de etanol estocado, 88 por cento mais ante o observado em igual data de 2017.

Enquanto impulsionam a fabricação para atender ao forte consumo interno de etanol, as usinas também estão guardando mais para vender na entressafra de cana, quando os valores do renovável são sazonalmente mais altos.

Em seu balanço trimestral, divulgado nesta semana, o Grupo São Martinho, com quatro unidades em São Paulo e Goiás, citou a estratégia de carregar estoques como uma das razões para o lucro menor no trimestre.

"Teremos até o final da safra aproximadamente 980 mil metros cúbicos (980 milhões de litros) de etanol para comercializar --tal quantidade representa 87 por cento da produção total do ano", afirmou a companhia.

O mesmo disse a Biosev, segundo maior grupo sucroenergético do mundo, que apresentou o maior incremento nos estoques de etanol dentre as três empresas: 270 por cento em relação ao mesmo trimestre do ano passado, para 233 milhões de litros.

O analista João Paulo Botelho, da INTL FCStone, afirmou que a estratégia faz sentido graças ao consumo fortalecido e à melhor paridade entre etanol e gasolina em sete anos, mas não descartou riscos.

"Os estoques estão muito altos e vai depender de como a demanda vai reagir quando os preços começarem a subir... Se quando essa alta de preço acontecer, se vai ter demanda suficiente para garantir o consumo dos estoques, é isso o que precisaremos saber", disse.

Parcerias

Pernambuco Equipamentos de Proteção Individual Ltda